Você decidiu fazer uma cirurgia plástica, mas está com medo da anestesia? Saiba que há um profissional que o acompanha do início ao fim do processo cirúrgico somente por conta da anestesia utilizada. Esse profissional é o anestesiologista. Para vencer o medo, é preciso ter confiança no médico, já que somente ele poderá explicar e orientar sobre todo o procedimento da anestesia.

A anestesia resulta na total ou parcial supressão da dor e de outras sensações durante o processo cirúrgico. Ela pode ser geral, local, ou apenas um bloqueio. Sob o efeito da anestesia geral, o paciente dorme. Com a local, o paciente pode permanecer dormindo ou acordado, conforme a conveniência. A anestesia dura o tempo necessário para que o cirurgião plástico possa fazer seu trabalho e pode levar algum tempo após a cirurgia até que os analgésicos assumam o controle da dor. Durante o processo cirúrgico, o anestesiologista assiste o paciente e o acompanha até passar o efeito da anestesia. Ele é o profissional preparado para agir em qualquer eventualidade que aconteça.

A formação do anestesiologista

O anestesiologista tem formação médica e especialização em Anestesiologia. No Brasil, o curso médico tem duração de seis anos. Após a conclusão do curso, o médico poderá exercer a Medicina em todo território nacional: para isso deverá obter o registro junto ao Conselho Regional de Medicina (CRM) em seu estado.

Para se especializar em Anestesiologia, o médico deverá cursar 3 anos em um Centro de Ensino e Treinamento em Anestesiologia (CET). Ao terminar a especialização, o médico recebe o Título de Especialista em Anestesiologia (TEA) conferido pela Sociedade Brasileira de Anestesiologia (SBA).