Estimativa deve ser feita considerando custos da cirurgia plástica, pós-operatório e outros itens que serão revelados a seguir

Uma cirurgia plástica, assim como outro investimento que você faça, exige um planejamento financeiro. O custo de uma cirurgia plástica é determinado por diversos fatores, conforme listaremos a seguir. É importante lembrar que o barato, quando se trata de sua saúde, pode sair muito caro, por isso, é preciso se atentar aos detalhes.

O valor da cirurgia plástica só pode ser divulgado pelo médico em uma consulta de avaliação das condições de saúde do paciente e da viabilidade (ou não) de realizar o procedimento. Nesse instante, podem ser discutidas as formas de pagamento, seguindo o Código de Ética Médica e o paciente analisa suas possibilidades diante do planejamento financeiro para a cirurgia plástica.

Um dos fatores mais relevantes na hora de calcular quanto custa uma cirurgia plástica é a experiência do profissional. Para identificar se o cirurgião plástico possui a formação que afirma ter, consulte o site da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica. A SBCP é rigorosa com seus membros, por isso, se o nome do cirurgião plástico estiver entre os listados no site, você pode confiar. A especialização do cirurgião plástico é fundamental para obter o resultado desejado, por isso, se ele investiu em conhecimentos, tratará com mais propriedade de seus pacientes.

Custo total da cirurgia plástica

O paciente deve ainda considerar os custos de internação, anestesia, da equipe médica, o que inclui o cirurgião plástico e o anestesista, além dos medicamentos.  Dependendo da cirurgia plástica, o paciente pode necessitar de malha cirúrgica, meias de compressão, sessões de drenagem e próteses de silicone.