A beleza é ainda mais exaltada em concursos com o Miss Universo, mas analisando as concorrentes, um assunto é recorrente: o uso de cirurgias plásticas em busca da perfeição. É raro encontrar uma candidata que não tenha passado por um procedimento cirúrgico em busca de ressaltar alguns atributos ou fazer correções estéticas que possam prejudicar na competição.

Como conta a história em 1954 a brasileira Marta Rocha perdeu a chance de se tornar Miss Universo por ter duas polegadas a mais nos quadris. Se é verdade ou não, talvez jamais saibamos, mas podemos imaginar que, em tempos de cirurgia plástica, isso poderia ser facilmente resolvido com uma lipoaspiração.

Outra cirurgia plástica que está no ranking das mais notáveis pelas candidatas é a mamoplastia de aumento (com inserção de próteses de silicone). A rinoplastia também é perceptível em muitos casos, embora algumas aleguem que se trata apenas de um procedimento funcional, para melhorar a respiração.

O fato é que a beleza padrão está cada vez mais ficando para trás e a aceitação dessa diversidade é o que nos torna atraentes. Ser exclusiva e única, com personalidade é que nos fará chegar mais longe em nossos objetivos. E você, o que acha desses novos padrões de beleza?