Eliminar, dar fim, dizer tchau, adeus… é tudo que as pessoas com gordura localizada desejam dizer para esse incômodo, mas será que a cirurgia plástica é válida para todos os casos? Entenda melhor:

A gordura localizada é o acúmulo de tecido adiposo em algumas partes do corpo. Esse depósito pode estar relacionado tanto aos fatores hormonais quanto a alguns hábitos como má postura, excesso de peso e a falta de exercícios.

Os alimentos gordurosos são os principais causadores desse acúmulo, pois quando não ocorre a perda da gordura, ela fica guardada como reserva em nosso corpo. É importante lembrar que o excesso de açúcar também se converte em reserva de energia, ou seja, aumenta a quantidade de gordura. Quando a gordura está mobilizada, é difícil de perder peso.

Se esse é o seu caso, saiba que em primeiro lugar você precisa de acompanhamento médico, tanto de um endocrinologista quanto de um nutricionista para determinar se realmente a cirurgia é a última possibilidade para eliminação de alguma gordurinha. Eles também podem te ajudar a obter melhores resultados com a cirurgia plástica, já que mesmo no pós-operatório, o acompanhamento deve permanecer, além dos bons hábitos de vida.

Invista na prática de exercícios físicos e, pense na cirurgia plástica, principalmente na lipoaspiração, como uma aliada para eliminar pequenos depósitos que são difíceis de sumir.