Fale Conosco Pelo Whatsapp

Deixar a barriga lisinha e sem excesso de pele é o sonho de muitos homens e mulheres. Afinal, ninguém gosta de ostentar a terrível pochete quando usa uma roupa mais justa ou um traje de banho. Porém, é impossível chapar o abdômen sem cortes, e por isso muitas pessoas ficam com receio quanto à cicatriz da abdominoplastia.

E você, já pensou em fazer essa cirurgia plástica, mas ficou com medo da cicatriz? Neste post, vamos explicar tudo que você precisa saber sobre esse assunto. Então, continue a leitura e tire suas dúvidas!

Como fica a cicatriz da abdominoplastia?

Não existe uma possibilidade única para o formato e posição de cicatriz da abdominoplastia. Basicamente, isso depende da quantidade de pele que o cirurgião precisa retirar para deixar a barriga lisinha.

Assim, pessoas que têm uma pequena sobra de pele na parte inferior do abdômen ficarão com cicatrizes menores. Já quem passou por um grande emagrecimento e tem uma flacidez significativa, terá uma cicatriz maior.

Para que você entenda melhor, explicaremos as técnicas mais comuns:

Miniabdominoplastia

É a cirurgia feita para retirar apenas pequenos excessos de pele. Por isso, o médico faz um corte horizontal e levemente arqueado, acompanhando o contorno da região pubiana.

Em alguns pacientes, que precisam retirar pouquíssima pele, a extensão do corte na miniabdominoplastia é bem pequena. Assim, a pessoa fica com a cicatriz semelhante à de uma cesariana. Portanto, ela fica escondida sob a roupa íntima.

Abdominoplastia extensa ou circunferencial

Na abdominoplastia extensa ou circunferencial, o médico precisa retirar uma quantidade maior de pele. Por isso, embora o corte também seja feito na região pubiana, ele é bem mais extenso.

A extensão do corte é fundamental para que, depois que a pele do abdômen for puxada para baixo, não fiquem dobras nas laterais. Em vários casos, essa linha chega à lateral do corpo .

Porém, mais uma vez, o paciente não precisa se preocupar. A cicatriz ficará escondida sob as roupas íntimas. Assim, é possível usar sungas e biquínis sem apresentar marcas aparentes.

Abdominoplastia clássica ou completa

Quando a flacidez é mais acentuada e o excesso de pele se estende também aos quadris e à parte lateral e inferior das costas, os cirurgiões recomendam a abdominoplastia completa.

Portanto, nesse procedimento não se retiram apenas as sobras de pele do abdômen. A incisão se estende em volta dos quadris, para que o médico consiga retirar também alguns excessos na parte inferior das costas.

Apesar de envolver quase toda a circunferência do corpo, a cicatriz fica na mesma altura dos procedimentos anteriores. Então, ela também fica coberta pela roupa íntima.

Abdominoplastia em âncora

Esse procedimento é indicado apenas para solucionar casos de grande flacidez, como quando o paciente é um ex-obeso que passou por um processo de emagrecimento realmente significativo. Assim, não basta retirar pele da parte inferior do abdômen. É preciso fazer uma intervenção também na região central.

Nesses casos, o médico faz duas incisões: aquela da região pubiana e uma outra vertical, no centro da barriga. Por isso, a cirurgia é conhecida como abdominoplastia em âncora.

Esse tipo de cirurgia deixa uma cicatriz maior. Além da incisão horizontal, que ficará escondida sob a roupa íntima, existe também um traço vertical.

Muitas vezes, o médico consegue retirar o excesso de pele sem estender o traço vertical acima da linha da cintura. Assim, a cicatriz não aparece quando a pessoa usa shorts, calças ou saias normais.

Como acontece a cicatrização da abdominoplastia?

Todo processo de cicatrização passa por etapas. Veja quais são eles:

Período imediato da cicatriz da abdominoplastia

Esse é o período que compreende os primeiros 30 dias após a cirurgia de abdominoplastia. Nessa etapa, a cicatriz ainda é fina e discreta. Porém, pode haver uma certa irritação na pele devido aos pontos. Em volta do corte, ainda há marcas roxas que desaparecerão com o tempo.

Período mediato da cicatriz da abdominoplastia

Envolve o período entre o 30° dia após a cirurgia e o 12° mês. Então, durante esta etapa, a cicatriz passa por grandes modificações, ficando mais espessa. Também é normal que ela altere sua cor, deixando de ser vermelha e se tornando marrom.

Nesse período, é importante usar as pomadas de acordo com a orientação médica. Em alguns casos, para evitar um espessamento anormal, ele pode recomendar o uso de acessórios como faixas e fitas de silicone.

Período tardio da cicatriz da abdominoplastia

Trata-se da etapa final do processo de cicatrização, que acontece entre o 12° e 18° mês após o procedimento. A marca, que havia mudado para a cor marrom, se torna cada vez mais clara e fina. Assim, ela fica bem parecida com a cor da pele em volta.

Entendeu quais são os possíveis formatos da cicatriz da abdominoplastia? Quer saber mais sobre essa cirurgia? Continue no blog e confira nosso guia completo sobre esse assunto!

Fale Conosco Pelo Whatsapp

Caso queira que entremos em contato com você, é só preencher o formulário abaixo !

(Preencha, envie e aguarde a confirmação)

Quer saber mais ? Confira todos os posts do nosso blog sobre Abdominoplastia.