Entre os incômodos estéticos que mais tiram o sono das mulheres estão as estrias, aquelas marcas esbranquiçadas (vermelhas ou róseas, dependendo do grau) que surgem pelo estiramento da pele, após perder ou ganhar músculos em um curto período de tempo.

Além disso, predisposição genética, pouco consumo de água e maus hábitos alimentares contribuem para o surgimento dessas marcas. Para evitar as estrias, é recomendável incluir minerais e vitamina E na alimentação.  Loções que contêm vitamina E ajudam a amenizar as linhas brancas.

Mas, em alguns casos, nenhuma dessas ações é suficiente, por isso, surge o questionamento: existe alguma cirurgia para remoção de estrias? Se elas estiverem localizadas no abdômen, na linha abaixo do umbigo, sim. A abdominoplastia remove o excesso de pele e flacidez, podendo eliminar o problema. Já para as estrias localizadas nas mamas, as próteses de silicone promovem um estiramento da pele, fazendo com que as estrias fiquem menos visíveis. Caso suas estrias estejam em outra região, o ideal é aproveitar tratamentos estéticos para amenizar a aparência dessas marcas indesejáveis.