Priorizar a saúde ou o bolso é uma das questões enfrentadas por quem vai operar

Se você deseja passar por uma cirurgia plástica, já deve ter questionado se vale mais a pena investir em qualidade e segurança ou manter as economias a salvo.  Em busca de eliminar os incômodos, muitos pacientes não levam em consideração que o barato pode sair caro por motivos que explicaremos a seguir.

Planejamento da cirurgia plástica

Como todo grande passo, a cirurgia plástica exige um planejamento financeiro para ser alcançado, isso significa que você deve estar preparado para os custos de uma cirurgia plástica. Detalhamos “como é calculado o preço de uma cirurgia plástica (link para o artigo)” em outro artigo que recomendamos a leitura.

Desde a primeira consulta você deve fazer algumas perguntas básicas ao cirurgião plástico para garantir a segurança no procedimento e o sucesso do pós-operatório:

– Você é membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica?

Se sim, vá ao site da SBCP e confirme essa informação. Se não for, fuja dessa cilada. Não coloque sua saúde em risco.

– A cirurgia plástica será realizada no consultório ou em um ambiente hospitalar?

Lembre-se que o ambiente hospitalar é imprescindível para garantir a segurança de sua saúde e os consultórios servem apenas para as avaliações.

– Quem são os profissionais da equipe do cirurgião?

Anestesistas e instrumentadores são essenciais para oferecer todo o apoio que o cirurgião plástico necessita durante o procedimento.

– Terei custos adicionais após a cirurgia plástica?

O pós-operatório pode incluir sessões de drenagem linfática, uso de malhas compressivas e outros itens essenciais no resultado do procedimento. Você precisa se preparar para isso.

– Qual a forma de pagamento da cirurgia plástica?

Algumas clínicas facilitam o pagamento através do parcelamento da cirurgia plástica, porém, desconfie se o preço for uma pechincha.

Avaliando todos esses pontos, reforçamos que a saúde deve estar em primeiro lugar, já que a cirurgia plástica deve dar fim a um incômodo, com segurança, e não criar um descontentamento com suas economias.