Sabe aquela imagem de idosos em casa cuidando dos netos, tricotando ou fazendo quitutes na cozinha para agradar a família?  Pois é, pode esquecer. Agora, o local dos idosos é nos consultórios de cirurgia plástica cuidando da aparência e rejuvenescendo a imagem. A justificativa é simples: eles querem que a aparência siga a juventude das ideias que possuem.

E para acompanhar esse novo ritmo de vida, algumas cirurgias estão mais em alta entre os idosos. Corrigir a flacidez da pele é uma das maiores preocupações e conquista o topo do ranking. Para elevar a autoestima, o lifting facial, redução e levantamento de seios e abdominoplastia estão na preferência. Correções nas áreas dos olhos, como a blefaroplastia, também fazem sucesso na turma com mais de 60 anos.

É fato que, além da cirurgia plástica, os idosos estão buscando mais qualidade de vida, por isso, como para qualquer paciente, uma bateria de exames será solicitada. Se tudo estiver de acordo com a saúde, a liberação será feita e o idoso poderá desfrutar dos benefícios em ter um corpo mais atraente.