Para a gluteoplastia, as recomendações pré­cirúrgicas são similares a qualquer outra operação. O paciente precisa evitar bebidas alcoólicas e refeições exageradas na véspera da cirurgia. Se você fuma, evite fumar ao menos nos 15 dias que antecedem o procedimento e informar ao médico o uso de medicamentos, pois, provavelmente, eles serão suspensos.

Durante o pós-­operatório, período de recuperação do paciente, é necessário permanecer de barriga para baixo nas primeiras 48 horas. Somente após esse prazo é permitido virar de lado e, uma semana depois, já é possível sentar­se.

A cinta modeladora acompanha a paciente durante um mês e, se houver qualquer dor ou desconforto nos primeiros dias, medicamentos são indicados pelo médico. O repouso no pós-­operatório é recomendado por pelo menos 20 dias. Após dois meses da cirurgia, é possível retomar gradualmente a prática de exercícios físicos.

Uma dúvida muito comum sobre esta cirurgia é sobre tomar injeção no bumbum após a gluteoplastia. A agulha não estoura as próteses, mas pode causar microcortes e comprometer a integridade da prótese, além do mais, o medicamento seria injetado dentro da prótese e não no organismo. Por isso, é melhor optar por braços ou coxas.

Após o período de adaptação, a paciente não sentirá que está com próteses nos glúteos, já que elas se ajustam ao corpo e proporcionam um resultado natural, sendo uma excelente alternativa para a falta de volume nesta região.