Sabe aquela vontade que muitas mulheres têm de afinar algumas partes do corpo e adicionar volume a outras? Por exemplo: ficar com aquela cinturinha de pilão e ao mesmo tempo dar uma levantada no bumbum? Então, esse sonho é possível! O responsável por esse milagre é um procedimento chamado lipoescultura com enxerto no glúteo. Você já conhece?

Então, não perca este post! Vamos explicar como é esse procedimento e que resultados você pode ter com ele!

O que é lipoescultura?

A lipoescultura é uma cirurgia plástica que permite ao médico realmente esculpir o corpo do paciente. As curvas da nossa silhueta não são formadas apenas por tecido muscular. O volume que temos em algumas regiões é causado pela presença natural de tecido adiposo, ou seja, de gordura.

Portanto, o que a lipoescultura faz é retirar o excesso de gordura (lipo) de algumas partes do corpo e injetá-la em outras regiões. Assim, ela adiciona volume exatamente onde a paciente deseja, enquanto elimina definitivamente as sobras que prejudicavam o contorno corporal.

Como é feita a lipoescultura com enxerto no glúteo?

Uma das opções mais procuradas por pacientes é a lipoescultura com enxerto no bumbum. Então, se você tem alguma gordurinha sobrando no abdômen, cintura e lateral das costas, é possível usá-la para aumentar os glúteos. O procedimento acontece assim:

Primeiramente, o médico anestesia o paciente. Depois, ele faz pequenas incisões (cerca de 0,5 cm) em partes estratégicas da região de onde a gordura será retirada. Como exemplo, vamos citar o abdômen. Então, ele insere a cânula e aspira o tecido adiposo que fica ali. Portanto, até aqui, a cirurgia é uma lipoaspiração.

A seguir, vem a segunda parte: a lipoenxertia. Nessa etapa, o cirurgião usa um equipamento especializado para tratar a gordura retirada. Assim, ela é separada do sangue e filtrada, garantindo que nenhum resíduo que estivesse junto dela seja colocado novamente no corpo do paciente.

Finalmente, nessa etapa da lipoenxertia o médico injeta a gordura no corpo do paciente. Porém, dessa vez, ela será aplicada nos locais que a pessoa deseja aumentar, modelar ou preencher. Portanto, trata-se de esculpir a silhueta, deixando-a mais harmônica e proporcional.

Quanto tempo dura o procedimento?

O procedimento dura em média 3 horas. Porém, esse tempo depende da quantidade de gordura retirada e dos locais onde ela será injetada. Muitos médicos preferem usar a anestesia peridural, pois ela diminui os sangramentos e a possibilidade de uma trombose. No entanto, em alguns casos, a anestesia local com sedação é suficiente!

Como é a recuperação do paciente?

O pós-operatório da lipoescultura com enxerto no glúteo pode ser bastante tranquilo, desde que o paciente siga estritamente as recomendações médicas. É comum ter inchaço e hematomas nos primeiros dias, e a área pode ficar um pouco dolorida. No entanto, esses sintomas diminuem bastante dentro de alguns dias e geralmente desaparecem em cerca de um mês.

O paciente precisa utilizar a cinta recomendada pelo médico. Ela é essencial para reduzir os edemas e modelar a região operada. Também é preciso evitar esforços e movimentos bruscos, cumprir repouso e fazer apenas caminhadas leves dentro de casa e realizar sessões de drenagem linfática.

Embora logo nas primeiras semanas o inchaço diminua e o paciente já consiga ver um contorno corporal mais harmônico, esse ainda não é o resultado final. Três meses após a lipoescultura, seu corpo terá as curvas acentuadas, ganhando uma silhueta mais elegante e proporcional.

Gostou da ideia de modelar o corpo de um jeito rápido e eficaz? Quer saber mais sobre a cirurgia? Siga-nos no Facebook e Instagram para acompanhar nossos conteúdos e descobrir a melhor solução para você!