Fale Conosco Pelo Whatsapp

Ah, a famosa cinturinha de pilão… Qual é a mulher que nunca sonhou com um corpo tipo ampulheta? As Kardashians estão por aí, provando que o estilo faz muito sucesso. Mas será que existe alguma cirurgia para ter a cintura fina?

Nós sabemos que os padrões de beleza são muito influenciados pelo tempo e cultura de um lugar. Portanto, em alguns países, os seios são muito valorizados. Em outros, o grande diferencial é o bumbum, ou as pernas e, como sabemos, em algumas tribos africanas, o foco é o pescoço!

Mas além de todas essas diferenças culturais, existe um símbolo de feminilidade que nunca cai de moda — trata-se da cintura fina. Estudos mostraram que, ao longo dos séculos, ela foi muito mais venerada na literatura do que qualquer outra parte do corpo feminino.

Embora não seja nosso objetivo dizer que você tem que atender os padrões de beleza, toda essa fixação pela cintura nos mostra por que tantas mulheres procuram a cirurgia plástica para afiná-la. Mas é possível alcançar esse objetivo?

Isso é o que você vai descobrir neste post. Então, continue a leitura para descobrir o que muita gente faz para conquistar esse símbolo de feminilidade e sensualidade. Ficou curiosa? Veja a seguir!

Por que algumas mulheres não têm cintura fina?

Em parte, a medida da cintura é determinada por questões genéticas. Afinal, todas as pessoas têm seu próprio biotipo, sendo que alguns corpos têm formato de ampulheta, outros são mais retangulares, existem ainda os triangulares, ovais e assim por diante.

Portanto, quanto se trata de biotipo, cada um já nasce com uma determinação muito forte. Não é possível alterar a estrutura do corpo e é preciso aceitar as nossas características.

Porém, esta medida não é completamente determinada pela genética. A circunferência dessa região pode aumentar devido ao acúmulo de gordura. Essa é a nossa maior possibilidade de afiná-la por meio de duas abordagens distintas: cirurgia para ter a cintura fina ou o combo dieta + exercícios.

Qual é a cirurgia para ter a cintura fina?

Na verdade, mais de uma cirurgia plástica pode contribuir para que a mulher fique com a cintura bem fininha. A primeira delas é a lipoaspiração. Veja a seguir.

Cirurgia para ter a cintura fina com lipoaspiração

A lipoaspiração é uma grande aliada de quem deseja afinar a cintura. Afinal, nesta cirurgia o médico retira a gordura acumulada em diversas regiões do corpo, inclusive o abdômen. Você sabe como é feita a lipo?

Em primeiro lugar, após a anestesia da paciente, o médico faz pequenas incisões em pontos estratégicos. Assim, as cicatrizes, que já são de um tamanho mínimo, ficam escondidas no umbigo ou outras dobras da pele.

Então, através dessas incisões, o médico insere as cânulas da lipoaspiração. Elas se parecem com grandes canudos de metal e são pontudas, para que possam perfurar o tecido adiposo e destruir as células de gordura.

Durante o restante do procedimento, o médico faz movimentos de vai e vem com a cânula. Dessa forma, ele passa por todo o tecido adiposo do local, decompondo-o em pedacinhos bem pequenininhos com a ponta da cânula.

A cânula fica acoplada a um equipamento que suga toda essa gordura. Dessa forma, ela é eliminada instantaneamente, reduzindo as medidas do local. Para afinar a cintura, pode ser necessário aspirar abdômen, flancos e até mesmo as costas.

A principal vantagem da lipoaspiração é que o médico consegue retirar aquela gordurinha localizada que não sai nem com dieta rígida e treinos pesados.

Afinal, o corpo tem seus próprios padrões de emagrecimento, e às vezes perdemos a gordura que não gostaríamos (bumbum, coxas). Por outro lado, o acúmulo no lugar indesejado permanece firme e forte, até se deparar com a cânula da lipoaspiração.

Abdominoplastia para reduzir as medidas da cintura

A abdominoplastia não tem como objetivo a redução da gordura. Porém, ela contribui para marcar a cintura devido ao trabalho que o médico faz nos músculos do abdômen.

Então, além de retirar o excesso de pele que causa um volume incômodo, o cirurgião costura os músculos retos abdominais ao centro da barriga. Em muitas mulheres, eles se encontram afastados um do outro.

Esse quadro de afastamento dos músculos, chamado de diástase, é ainda mais comum se a mulher já engravidou ou se teve um aumento significativo de peso.

Assim, ao puxar os músculos para o centro e costurá-los com pontos internos, a cintura afina. Existe uma diferença, mesmo que discreta, nas laterais, deixando o corpo mais feminino.

Existe algum risco na cirurgia para afinar a cintura?

Todo procedimento envolve riscos. Viver envolve riscos. Porém, quando se fala em abdominoplastia e lipoaspiração, as chances de complicações são mínimas. Milhares dessas cirurgias são realizadas todos os anos, com excelentes resultados.

A única cirurgia que envolve um certo risco para afinar a cintura é aquela que inclui a retirada de algumas costelas. Algumas celebridades já passaram por esse procedimento.

E o problema nem é a própria cirurgia, e sim o fato de que a remoção de costelas deixa órgãos como os rins e o baço desprotegidos. Então, eles ficam sujeitos a lesões muito mais graves em caso de acidentes. A maioria dos médicos evita realizar esse procedimento.

É possível fazer abdominoplastia e lipo para afinar a cintura?

Sim! Para a maioria das mulheres, a combinação entre essas duas cirurgias plásticas não só é possível, como bastante comum. Assim, em um único procedimento, o médico resolve o problema de forma completa.

Com a lipoabdominoplastia, a paciente só toma uma anestesia, cumpre um único período de internação, passa pelo pós-operatório uma única vez. Portanto, trata-se de uma alternativa muito vantajosa.

Então, se você tem o desejo de afinar a cintura, consulte seu médico. Verifique a viabilidade de combinar os procedimentos. O cirurgião dará um parecer de acordo com suas necessidades e seu estado clínico, sempre colocando sua saúde em primeiro lugar.

Agora você já sabe que é possível fazer cirurgia para ter cintura fina. Gostou do post? Quer saber mais sobre a lipoaspiração? Então, continue aqui no blog e confira nosso Guia Completo para Remodelar o Corpo. Você vai gostar!

master-health

A Master Health, há mais de duas décadas, alia conforto, segurança e zelo no tratamento de seus pacientes. Adepta do conceito de clínica vertical, a Master dispõe de quatro andares unicamente dispostos ao atendimento, favorecendo a privacidade de cada momento da cirurgia plástica ou tratamento realizado pelo paciente.
Diretora Técnica Dra. Elaine Favano – CRM 42085/SP

Cirurgia Plástica Master Health


Caso queira que entremos em contato com você, é só preencher o formulário abaixo !

    (Preencha, envie e aguarde a confirmação)