Fale Conosco Pelo Whatsapp

Ação do tempo, mudanças drásticas no peso, hábitos prejudiciais, gestações — essas e outras situações causam a destruição de estruturas de sustentação da pele. Mas como acabar com a flacidez e corrigir de uma vez por todas esse problema? É sobre isso que falaremos neste artigo. Confira!

O que causa a flacidez na pele?

Você certamente já ouviu sobre a importância do colágeno e elastina para a firmeza da pele. Essas duas proteínas são responsáveis pela sustentação de  vários tecidos do corpo.

Enquanto o colágeno faz parte da composição de pele, ossos, tendões e paredes dos vasos, a elastina garante resistência e elasticidade. Assim, se um tecido precisa se esticar, a elastina permite essa expansão e faz com que ele retorne ao seu formato original em seguida.

Porém, existem alguns fatores que contribuem para a perda dessas substâncias. Veja quais são:

  • idade: com o passar dos anos, é natural que a quantidade dessas proteínas no organismo diminua, reduzindo a sustentação dos tecidos;
  • maus hábitos: alimentação pobre em nutrientes, poucas horas de sono, uso do cigarro e falta de cuidados com a pele aceleram a perda de colágeno e elastina;
  • grandes variações no peso: se a pessoa engorda demais as fibras se esticam demais e não conseguem retornar à sua forma original depois do emagrecimento. O mesmo pode acontecer com gestantes.

Esses são alguns dos fatores que influenciam nas condições da pele. Portanto, todos podem causar a temida flacidez.

Como acabar com a flacidez?

Embora haja várias maneiras de evitar a flacidez, existe uma única forma de corrigi-la. Portanto, se a pessoa ainda não tem a pele flácida, mudar seus hábitos ajuda a manter a pele firme.

Assim, manter uma boa alimentação e tomar água com regularidade, usar produtos para manter a pele hidratada, parar de fumar e manter um peso estável são algumas medidas importantes para promover a firmeza da pele.

Porém, depois que a flacidez já está instalada, a única correção é a cirurgia plástica. O cirurgião precisa retirar os excessos de pele das regiões do corpo afetadas pelo problema para deixá-la novamente lisa e firme.

Conheça as intervenções para cada área do corpo:

Rosto

Há vários procedimentos para acabar com a flacidez no rosto. Assim, a blefaroplastia serve para corrigir a área dos olhos, o lifting frontal elimina o excesso de pele da testa e a ritidoplastia remodela toda a face.

Também é possível corrigir áreas próximas como pescoço (lifting cervical) e papada. Portanto, cada necessidade exige um procedimento diferente.

Seios

Muitas mulheres se sentem incomodadas com a flacidez nos seios, especialmente depois da gestação.  Homens também sofrem com esse problema após grandes emagrecimentos. A mastopexia retira os excessos de pele das mamas, deixando-as novamente firmes e empinadas.

Abdômen

Para quem quer ficar com a barriga lisinha outra vez, a solução é a abdominoplastia. O médico retira os excessos de pele, estica a área que sobra e acaba com a temida pochete.

Corpo

Há outras cirurgias plástica para quem quer deseja acabar com a flacidez em outras regiões do corpo. Assim, a braquioplastia serve para retirar os excessos de pele dos braços. A dermolipectomia ou lifting de coxas é indicada para quem pretende deixar as pernas lisas, e assim por diante.

Para cada necessidade, há uma solução! Portanto, quem quer saber como acabar com a flacidez tem uma série de alternativas para se livrar desse problemas de uma vez por todas!

Quer saber mais sobre os tratamentos para flacidez? Continue no blog e confira nosso artigo completo sobre esse tema!

Fale Conosco Pelo Whatsapp

Caso queira que entremos em contato com você, é só preencher o formulário abaixo !

(Preencha, envie e aguarde a confirmação)