Fale Conosco Pelo Whatsapp

Como Funciona a Mamoplastia Redutora?

A mamoplastia redutora é uma cirurgia plástica para reduzir o volume das mamas, que consiste em retirar o excesso de gordura, tecido mamário e as sobras de pele para diminuir o tamanho e o peso dos seios.

Dessa forma, é possível atingir um volume mamário proporcional ao corpo da paciente e atingir suas expectativas. Gostaria de saber tudo sobre a mamoplastia redutora? Continue lendo o artigo! 

Indicações

Geralmente as indicações são para pacientes que sentem incômodo com o tamanho dos seus seios e desejam reduzir o volume deles. 

No entanto, é imprescindível que compareça em uma avaliação com o médico cirurgião plástico para verificar se realmente a redução mamária pode ser realizada em seu caso, se sua saúde está adequada, a espessura da sua pele e outros fatores que forem necessários. 

Passo-a-passo da Cirurgia

Durante a mamoplastia redutora, os tecidos em excesso são retirados. Dentre eles estão a pele, a gordura e o tecido glandular. 

Após a retirada, é possível visualizar diferença no tamanho, formato e firmeza dos seios. Simultaneamente, as aréolas e os mamilos também são reposicionados, tendo a possibilidade de reduzir o tamanho das aréolas caso necessário.

Mamoplastia Master Health

O médico sempre avalia o formato e a estrutura corporal da paciente para que retire a quantidade correta de tecidos excedentes. Assim, o resultado é um bom aspecto e harmonia das mamas em relação ao corpo da paciente.

Abaixo, informamos os passos desde a demarcação até a finalização da mamoplastia redutora:

Demarcações

As demarcações são imprescindíveis para que ocorra a incisão correta e sejam retiradas as quantidades de tecidos necessárias.

Anestesia

Geralmente a mamoplastia de redução é realizada com anestesia geral, no entanto, em alguns casos pode ser usada anestesia local com sedação. 

Dessa forma, a escolha vai variar de acordo com o volume das mamas e o grau de sensibilidade da paciente, ficando a cargo do cirurgião plástico definir a anestesia mais adequada.

Incisões

As incisões da cirurgia de redução de mamas podem ser realizadas de duas maneiras, dependendo do tamanho e do grau de flacidez dos seios.

Elas podem ser em formato de ‘T’ invertido, partindo da porção de baixo da aréola em direção à base dos seios. E a outra possibilidade é o formato de ‘L’, também na mesma região.

Veja também: Cicatrizes da redução de mama

Duração

De forma geral, a mamoplastia redutora tem uma duração média de 2 a 3 horas.

Normalmente, a paciente deixa a internação no mesmo dia, mas pode ser necessário ficar no local por até 24h.

Preparação para a Mamoplastia

Realização de exames

Na consulta prévia, o doutor solicitará alguns exames, dos quais:

  • Hemograma completo;
  • Avaliação de coagulação do sangue;
  • Ultrassom das mamas;
  • Mamografia.

Estes exames são importantes para verificar a saúde da sua pele, a espessura dos seios, as vitaminas no sangue, sua disponibilidade de cicatrização e a boa predisposição em recuperar-se. 

São fatores essenciais para serem descobertos pelo médico que a acompanhar no processo cirúrgico. 

Alimentação

É recomendável que, no dia anterior à cirurgia de redução de mamas, você evite ingerir bebidas alcoólicas e comer muito ou comer alimentos muito gordurosos, pesados e industrializados.

Sono

Uma boa noite de sono é de extrema importância nesse dia, pois o corpo vai reagir melhor à cirurgia e à recuperação.

Medicações

É necessário evitar ingerir medicamentos à base de ácido acetilsalicílico ou fórmulas para emagrecer no mínimo 10 dias anteriores ao procedimento, pois são medicamentos que podem dificultar a cicatrização após a cirurgia. 

Jejum

Para fazer a cirurgia, a paciente precisa estar em jejum de 8 a 12 horas, dependendo da indicação do médico.

No dia da cirurgia

Vá acompanhada no dia da cirurgia e leve roupas confortáveis e um pouco mais largas para voltar para casa depois. Evite usar muitos acessórios, como brincos, anéis e pulseiras, uma vez que você precisará retirá-los para o procedimento.

Também é importante levar todos os exames e termos solicitados pela clínica de cirurgia plástica para que você faça a cirurgia sem nenhum imprevisto.

Pós-operatório da Mamoplastia Redutora

As primeiras horas após a cirurgia são as mais delicadas, é necessário repouso absoluto neste período, afinal, você terá acabado de passar pelo procedimento.

Durante as 24h seguintes, é preciso ficar sentada ou manter a cabeça elevada. Da mesma forma, deverá evitar se movimentar e fazer apenas gestos leves se necessário.

Ao contrário do que muitos acreditam, a cirurgia redutora de mamas não é um procedimento dolorido. O pós-operatório é bom quando todas as recomendações médicas são seguidas.

Repouso

Normalmente, o repouso indicado é de 7 dias. Após este período, você poderá retornar às atividades rotineiras e ao trabalho, desde que não exija muito esforço.

Nos primeiros dias, a movimentação dos braços precisa ser reduzida e você não poderá levantar os braços acima dos ombros por 2 semanas. Isso acontece porque ao mexer os braços, a musculatura se movimenta e consequentemente, as mamas, o que pode prejudicar a cicatrização e até mesmo romper os pontos. 

Para voltar a dirigir é necessário esperar cerca de 20 dias e exercícios leves podem ser realizados após 1 mês da mamoplastia redutora.

A atividade física intensa, como a musculação, só serão liberadas após o segundo mês. Mas tudo depende da indicação do médico que a acompanha e que realizou sua cirurgia.

Para dormir, deve-se permanecer de barriga para cima, com o tronco elevado ao corpo para melhor circulação sanguínea e boa recuperação.

Relações Sexuais

É importante evitar relações sexuais por pelo menos 2 semanas para evitar complicações com a cirurgia. Porém, é imprescindível ter a indicação médica para retomar as atividades sexuais.

Medicações

Normalmente, os cirurgiões plásticos receitam anti-inflamatórios, antibióticos e analgésicos. 

Também é comum o uso de pomadas à base de silicone para ajudar a cicatrização e massagens leves diárias na mama e nas cicatrizes.

Alimentação e tabagismo

Salvo em casos especiais, a alimentação pode ser normal. No entanto, é recomendado evitar doces, frituras e bebidas alcoólicas.

O tabagismo deve ser evitado no pós-operatório da cirurgia, você deverá ficar pelo menos 30 dias sem fumar. O tabaco dificulta a circulação de sangue no local, o que pode causar problemas para cicatrização.

Sutiã cirúrgico

O sutiã cirúrgico deverá ser utilizado por 30 dias durante todo o tempo, sendo aberta a exceção apenas de retirada para tomar banho, possivelmente apenas após 7 dias da cirurgia. Afinal, ajudará a diminuir o inchaço, sustentar, recuperar, cicatrizar e modelar o novo formato e tamanho dos seios. 

Após os 30 dias, se o médico permitir você poderá substituí-lo por sutiãs normais que não possuam arames de sustentação.

Veja também: Sutiã pós-cirúrgico mamoplastia redutora: como usar?

Higiene e curativos

Para cada tipo de mama é realizado um curativo adaptado, que será retirado 24h após a cirurgia plástica.

De forma geral, também são colocados micropores para proteger a cicatriz, que ficarão na região por mais tempo.

Vale dizer que a higiene na região é fundamental para ajudar na cicatrização e evitar infecções. Por esta razão, é importante que compareça às consultas de retorno com o médico, após a cirurgia. 

Mamoplastia Redutora Antes e Depois: O que esperar dos resultados

O resultado da mamoplastia redutora antes e depois vai aparecer ao longo dos meses. Em geral, após 1 mês do procedimento já é possível notar algumas mudanças nos seios.

Com 6 meses da cirurgia da redução de mamas você já terá uma noção melhor do resultado. O aspecto final da mamoplastia redutora antes e depois vem após cerca de 18 meses. Nesse período, os seios chegarão ao seu resultado final de tamanho, firmeza e elasticidade de pele.

Dúvidas frequentes

Com qual idade posso fazer essa cirurgia?

A mamoplastia redutora pode ser realizada a partir do momento em que os seios já acabaram de se desenvolver, desde que com a permissão dos responsáveis.

No entanto, o ideal é que ela aconteça após os 18 anos de idade.

Posso amamentar após a mamoplastia redutora?

É possível amamentar normalmente após a cirurgia, apesar da retirada de boa parte das glândulas mamárias. Mas o acompanhamento médico é necessário para que caso haja alguma complicação, o doutor possa orientar.

Ainda terei sensibilidade nos seios?

A redução da sensibilidade do mamilo pode acontecer após a mamoplastia redutora. Assim como é possível apresentar perda ou redução temporária por 1 ou 2 anos.

De forma geral, quanto maiores forem os seios, maiores as chances de perda de sensibilidade. No entanto, essa situação costuma ocorrer em apenas 5% dos casos.

Meus seios ficarão assimétricos?

Alguns traços dos seios podem ficar ligeiramente diferentes um do outro após a cirurgia, decorrente do inchaço natural após qualquer procedimento cirúrgico. Mas depois de desinchar, será possível visualizar o resultado final com clareza.

Vale dizer, porém, que a maioria das mulheres possui uma mama diferente da outra naturalmente. Por isso, esse não costuma ser um detalhe que incomoda as pacientes da redução de mama.

Quais profissionais podem fazer a mamoplastia redutora?

Definitivamente, a cirurgia para colocar silicone nos seios deve ser realizada por um cirurgião plástico membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica.

É de extrema importância verificar se o cirurgião tem registro no Conselho Federal de Medicina (CFM). Essa checagem pode ser feita no site da instituição.

Além disso, o médico deve ser membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, que garante a capacidade e experiência do profissional para realização da cirurgia.

É fundamental também que a cirurgia plástica seja realizada em ambiente hospitalar com certificação para realizar cirurgias de médio porte. E você pode checar essa informação com o próprio hospital.

Por fim, converse com pessoas que já realizaram a cirurgia de silicone com o mesmo médico e clínica e se informe sobre a experiência e os resultados obtidos.

Participe do nosso grupo no Facebook para ler relatos das nossas pacientes e não perca nada!

master-health

A Master Health, há mais de duas décadas, alia conforto, segurança e zelo no tratamento de seus pacientes. Adepta do conceito de clínica vertical, a Master dispõe de quatro andares unicamente dispostos ao atendimento, favorecendo a privacidade de cada momento da cirurgia plástica ou tratamento realizado pelo paciente.
Diretora Técnica Dra. Elaine Favano – CRM 42085/SP

Cirurgia Plástica Master Health


Caso queira que entremos em contato com você, é só preencher o formulário abaixo !

    (Preencha, envie e aguarde a confirmação)

    Quer saber mais ? Confira todos os posts do nosso blog sobre mamoplastia Clique aqui.