Fale Conosco Pelo Whatsapp

Biquíni, top cropped, macacões e vestidos com recortes estratégicos — a moda e o clima tropical brasileiro promovem uma exposição maior do corpo e do abdômen, o que nem sempre favorece quem tem vergonha do próprio umbigo. Porém, para solucionar esse problema existe a onfaloplastia.

E você, já tinha ouvido a respeito da cirurgia plástica para correção do umbigo? Então, não perca este post! Vamos explicar tudo que você precisa saber sobre a onfaloplastia!

Para quem a onfaloplastia é indicada?

Não são apenas as mulheres que se incomodam com a aparência do umbigo! Os homens também sofrem com problemas estéticos nessa região do corpo, até mesmo porque eles têm muito mais oportunidade de expor o abdômen por andarem frequentemente sem camisa.

Por isso a onfaloplastia, que é a cirurgia plástica para correção da região do umbigo, é muito popular tanto entre o público feminino quanto entre os pacientes do sexo masculino. Geralmente, o procedimento é feito para solucionar os seguintes problemas:

Excesso de gordura e pele na região do umbigo

Existem diversas situações que causam o excesso de gordura e pele em volta do umbigo. Então, para as mulheres, um dos fatores é a gravidez. Nem sempre o abdômen volta a ter sua aparência anterior à gestação, o que causa incômodo.

O excesso de gordura e pele também acontece quando as pessoas passam por processos de grande emagrecimento ou devido ao efeito sanfona. Inclusive, as sobras de pele podem criar uma dobra semicircular com as pontas para baixo, um problema conhecido como umbigo triste.

Hérnia umbilical

Outro problema que frequentemente leva as pessoas a procurarem a onfaloplastia é a hérnia umbilical. Assim, devido a uma espécie de fraqueza na musculatura dessa região, uma parte do intestino ou de líquido ultrapassa a parede abdominal, criando uma protuberância.

Formato inestético congênito

Entre as indicações da onfaloplastia está o formato inestético congênito do umbigo. Essa condição se refere às pessoas que nasceram com uma alteração nessa região, prejudicando a aparência do abdômen.

Portanto, a cirurgia também é indicada quando há ausência do umbigo, estenose (umbigo fechado), protuberância congênita etc.

Assim, se você pertence a um desses grupos, é possível que seja um candidato à onfaloplastia. Em alguns casos, o procedimento pode ser combinado com cirurgias de lipoaspiração, para retirar não só a pele, mas também a gordura do local.

Como fica o umbigo após a onfaloplastia?

A onfaloplastia é uma cirurgia plástica interessante. O médico realiza todas as alterações a partir do fundo do umbigo, ou seja, ele delimita a quantidade de pele que precisa ser retirada, faz cortes internos e retira todo o excedente de uma área que não fica visível.

Assim, depois de encerrar a cirurgia, as cicatrizes são imperceptíveis. Elas permanecem na parte interna do umbigo, deixando sua aparência completamente natural e contribuindo para um abdômen liso e atraente.

E você, já se sentiu incomodado com seu umbigo? Gostaria de mudar essa situação? Que tal se livrar desse problema definitivamente e em um procedimento simples?

Então, não perca tempo! Converse com a nossa equipe agora mesmo e agende sua avaliação!

logo-masterhealth

A Master Health, há mais de duas décadas, alia conforto, segurança e zelo no tratamento de seus pacientes. Adepta do conceito de clínica vertical, a Master dispõe de quatro andares unicamente dispostos ao atendimento, favorecendo a privacidade de cada momento da cirurgia plástica ou tratamento realizado pelo paciente.
Diretora Técnica Dra. Elaine Favano – CRM 42085/SP

Fale Conosco Pelo Whatsapp

Caso queira que entremos em contato com você, é só preencher o formulário abaixo !

(Preencha, envie e aguarde a confirmação)