Fale Conosco Pelo Whatsapp

A blefaroplastia é a solução perfeita para quem sente a necessidade de corrigir as pálpebras, tanto na parte superior dos olhos quanto na inferior. Porém, por mais que o nosso blog esteja repleto de informações sobre essa cirurgia plástica, é preciso entender que o procedimento é planejado de forma completamente individualizada.

Por isso, é muito importante que você se comunique com o médico e explique suas reais expectativas. Também é fundamental que conversem sobre o seu procedimento, quais são os resultados possíveis no seu caso e orientações para a recuperação.

Para ajudá-lo, fizemos uma seleção com 4 perguntas para esse momento da consulta. Assim, você terá informações indispensáveis para considerar antes de tomar uma decisão e orientações para sua preparação. Vamos lá?

1. A blefaroplastia é a solução mais adequada para seu caso?

Primeiramente, antes de fazer uma blefaroplastia você precisa ter plena certeza que os problemas que ela soluciona são os que realmente o incomodam. Afinal, por mais bem-sucedida que seja a cirurgia, ela tem um objetivo específico, que pode não ser o que o paciente espera.

Por exemplo, a blefaroplastia corrige as pálpebras superiores e inferiores. No entanto, ela não é indicada para quem considera imprescindível retirar os pés de galinha. Assim, é fundamental que você explique para o médico quais são os efeitos do tempo que o incomodam para que ele explique se esse procedimento atende às suas necessidades.

2. Como será o procedimento?

Não existe uma forma única de fazer a blefaroplastia. O médico fará incisões em posições ou tamanhos ligeiramente diferentes, atendendo às necessidades individuais de cada paciente. Portanto, é fundamental perguntar a ele como será o seu procedimento.

O que o profissional recomenda: é preciso operar apenas a pálpebra superior? É necessário fazer a cirurgia também na pálpebra inferior, para não deixar uma área extremamente lisa e a outra levemente enrugada? Tire todas as suas dúvidas sobre o procedimento e os resultados esperados.

Outro ponto essencial é que você precisa saber é que o médico usa as técnicas com responsabilidade. Então, ele fará tudo que está ao alcance da cirurgia plástica para deixá-lo com um rosto harmônico, proporcional e natural. Por isso, nem sempre ele pode fazer exatamente o que o paciente deseja, pois isso traria um resultado artificial. Confie no profissional e em sua experiência!

3. Onde serão as incisões e cicatrizes?

As cicatrizes da blefaroplastia são muito finas e discretas, escondidas estrategicamente nas dobras naturais da pele. Porém, sua localização e tamanho dependem muito do tipo de intervenção que cada paciente necessita. É essencial que você converse com o cirurgião para ter certeza de que o benefício da cirurgia plástica seja muito maior que o eventual incômodo com as cicatrizes.

4. Como será a recuperação?

Finalmente, é importante que você converse com o cirurgião sobre a recuperação. Ele orientará a respeito do período de repouso, tempo sem exposição ao sol, realização de compressas e drenagem linfática, entre outros cuidados. Dessa forma, você conseguirá se programar para dar a pausa necessária no trabalho e providenciar os itens essenciais para o pós-operatório.

E agora, sente-se preparado para sua consulta ao cirurgião plástico? Ficou com alguma dúvida? Deixe sua pergunta nos comentários e teremos prazer em respondê-la!

Fale Conosco Pelo Whatsapp

Caso queira que entremos em contato com você, é só preencher o formulário abaixo !

(Preencha, envie e aguarde a confirmação)