Fale Conosco Pelo Whatsapp

O acúmulo de líquido em regiões lesadas do corpo é perfeitamente normal. Aliás, trata-se de um mecanismo de defesa do organismo. Porém, como alguns pacientes ficam preocupados, neste post vamos explicar por que acontece o inchaço no pós-operatório da lipoaspiração e o que fazer para resolver esse problema.

Então, se você quer saber até que ponto é normal ficar inchado após a lipoaspiração, não perca este artigo. Você entenderá exatamente como seu organismo produz esse inchaço, por que é importante reduzi-lo e o que esperar do pós-operatório.

Por que ocorre o inchaço no pós-operatório da lipoaspiração?

O inchaço é uma reação de defesa muito comum quando o organismo é lesionado. Assim, ele acontece quando a pessoa corta um dedo, quando o sapato esfola a pele do pé ou quando indivíduo passa por uma cirurgia.

Afinal, para fazer a cirurgia plástica, o médico precisou cortar os tecidos do corpo. Muitas vezes, existe uma incisão externa e outra interna, que pode ser até maior que o corte visível. Portanto, embora essa lesão seja controlada pelo cirurgião, o organismo precisa regenerar aquela região.

Ao perceber o tecido lesionado, o corpo começa um processo inflamatório. Nesse momento, o objetivo do sistema de defesa do organismo é eliminar as células lesadas e os tecidos que foram danificados, para então restaurar essa região e o bom funcionamento daquele órgão.

Portanto, como você pode perceber, o processo inflamatório é o primeiro passo para a recuperação e a cicatrização. O líquido que o corpo libera das células e vasos sanguíneos leva proteínas e nutrientes para a região afetada. Assim, a regeneração pode acontecer mais rápido.

No entanto, esse acúmulo de líquido gera inchaço. Na lipoaspiração, ele atinge toda a região operada. Afinal, o médico despedaçou e aspirou todo um tecido gorduroso que estava abaixo da pele. Esse processo causa um trauma, e é natural que o líquido se acumule ali.

Por que é importante combater o inchaço durante a recuperação?

Embora o inchaço seja normal e desapareça em semanas, é importante acelerar a eliminação desse líquido. Sua permanência pode levar ao surgimento de complicações como o seroma e principalmente, a fibrose.

Nossa pele é presa ao músculo por um tecido conjuntivo fibroso. No entanto, após a lipoaspiração, esse tecido precisará se formar novamente, já que a camada de gordura que ficava entre a pele e o músculo foi aspirada e desapareceu.

Para formar esse tecido fibroso, o corpo intensifica a produção de colágeno. Essa proteína faz parte de vários tecidos do corpo, incluindo o conjuntivo e também é essencial para proporcionar uma boa sustentação à pele.

Porém, se houver um espaço muito grande entre a pele e o músculo, esse tecido conjuntivo pode se desenvolver em excesso. Essa anormalidade fará com que a cicatriz interna se torne ondulada ou enrugada, deixando a pele com uma aparência irregular e endurecida.

Portanto, o combate ao inchaço é uma forma de evitar a fibrose. Esse é um dos principais motivos para seguir as orientações do pós-operatório à risca: é preciso garantir uma boa recuperação para ficar com a pele lisinha.

Como reduzir o inchaço após a lipoaspiração?

O segredo para acelerar a eliminação dos líquidos é seguir as orientações do médico. É necessário usar a cinta cirúrgica ou uma malha compressiva, para forçar o máximo possível a aderência da pele ao músculo. A drenagem linfática também é fundamental nesse processo, prevenindo a fibrose.

Além disso, vale a pena evitar alimentos que aumentam a retenção de líquidos. É melhor deixar as comidas muito salgadas, os produtos embutidos (presunto, salame, salsicha), enlatados ou conservas e molhos prontos bem longe do prato durante esse período.

Já os chás diuréticos contribuem para a eliminação de líquidos. Então, vale a pena manter a garrafinha sempre cheia de chá de hibisco ou cavalinha. Frutas como o melão, limão, melancia, abacaxi, laranja, morango e kiwi também ajudam a acelerar esse processo.

Entendeu por que acontece o inchaço no pós-operatório da lipoaspiração ? Viu por que é importante acelerar a eliminação de líquidos e como fazer isso? Então, que tal nos seguir no Facebook e Instagram para ter acesso a outros conteúdos sobre cirurgia plástica? Nos encontramos por lá!

master-health

A Master Health, há mais de duas décadas, alia conforto, segurança e zelo no tratamento de seus pacientes. Adepta do conceito de clínica vertical, a Master dispõe de quatro andares unicamente dispostos ao atendimento, favorecendo a privacidade de cada momento da cirurgia plástica ou tratamento realizado pelo paciente.
Diretora Técnica Dra. Elaine Favano – CRM 42085/SP

Fale Conosco Pelo Whatsapp

Caso queira que entremos em contato com você, é só preencher o formulário abaixo !

(Preencha, envie e aguarde a confirmação)

Quer saber mais ? Confira todos os posts do nosso blog sobre lipoaspiração Clique aqui.